Atividades culturais com apoio do Camões, IP

PORTUGAL ALIVE 16

Os “X-Wife”, “Da Chick” e “Peixe: avião” formam o cartaz do concerto do «Portugal Alive 16».  
O evento decorre a 5 de novembro, em Barcelona, na sala Apolo, e pretende ser um espaço anual de apresentação de grupos portugueses nesta cidade. 
Entrada gratuita.




X-WIFE https://www.facebook.com/xwiferocks/
DA CHICK https://www.facebook.com/dachicklete/
PEIXE : AVIÃO https://www.facebook.com/peixe.aviao/

Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua



XVI Prémio de Tradução Giovanni Pontiero


O Centro de Língua Portuguesa/ Camões, IP em Barcelona e a Facultat de Traducció i d’Interpretació da Universitat Autònoma de Barcelona convocam o XVI Prémio de Tradução Giovanni Pontiero, no sentido de honrar a figura do grande tradutor Giovanni Pontiero

Nos anos ímpares o prémio será destinado a traduções realizadas para catalão de obras literárias de qualquer género, escritas originalmente em Língua Portuguesa e publicadas nos dois anos anteriores ao da entrega do prémio. Nos anos pares o prémio estará aberto às traduções realizadas para castelhano de obras literárias de qualquer género, escritas originalmente em Língua Portuguesa e publicadas nos dois anos anteriores ao da entrega do mesmo. 

Na presente edição, poderão concorrer ao prémio todas as traduções para castelhano de obras literárias escritas originalmente em Língua Portuguesa e publicadas entre o dia 1 de janeiro de 2014 e o dia 31 de dezembro de 2015.

Os tradutores ou editoras que pretendam aceder a este prémio deverão apresentar cinco exemplares da tradução em castelhano e, pelo menos, dois exemplares da obra original (que não serão devolvidos) na seguinte morada: Facultat de Traducció i d’Interpretació, Edifici K, Universitat Autònoma de Barcelona, 08193 Bellaterra (Barcelona), dirigidos ao Secretário do Júri do XVI Prémio de Tradução Giovanni Pontiero. 

Nesta edição, o prazo de apresentação das obras finalizará no dia 19 de setembro de 2016.
 
O Júri será composto por um membro nomeado pelo Instituto Camões, um membro nomeado pelo decanato da Facultat de Traducció i d’Interpretació da UAB, um membro nomeado por Amigos de Giovanni Pontiero, uma pessoa de trajetória reconhecida no campo dos estudos lusófonos e um secretário sem voto em representação das entidades organizadoras. O Júri poderá, sempre que assim o entender, recorrer à consulta dos especialistas que considerar necessários.

A decisão do Júri tornar-se-á pública na cerimónia de entrega do prémio, que se realizará na Facultat de Traducció i d’Interpretació da UAB, no dia 27 de outubro de 2016.

O valor do prémio é de 6000 euros para o tradutor.  

Qualquer questão não especificada no regulamento será decidida pelo juri.

Para qualquer informação ou consulta sobre o prémio, é favor dirigir-se ou contactar o Centro de Língua Portuguesa / Camões, IP localizado na UAB: 
(+34) 935 868 841 ou i.camoes.fti@uab.cat.

http://www.uab.cat/web/sala-de-prensa/detalle-noticia-1345667994339.html?noticiaid=1345705980574

Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua
 


Espaço ARTTE em Barcelona:  dia 30 de junho, noite dedicada a Portugal                                                                  

O espaço ARTTE em Barcelona (Carrer Muntaner 83C), em colaboração com este Consulado‑Geral, organiza no próximo dia 30 de Junho uma noite inteiramente dedicada a Portugal. Graças à colaboração do Turismo de Portugal e da Escola de Hotelaria de Coimbra, o Chef Gonçalo Melo preparará, para o jantar, um menu tipicamente português. A acompanhar a refeição, um ecrã gigante transmitirá o jogo de Portugal contra a Polónia. Para terminar a noite, haverá ainda lugar para um concerto dos Fado Violado, projeto de música que mescla Fado e Flamenco.

 

Mais informações:
https://www.artte.es/es




Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua
 

 

 

Comemoração do Dia de Portugal e de Camões em Barcelona


No âmbito das comemorações do Dia de Portugal e de Camões, e numa co‑organização do Consulado Geral de Portugal em Barcelona, nos próximos dias 9 e 30 de Junho, o espaço ARTTE converter-se-á numa espécie de Casa de Fados.

Entre as 21h00 e as 22h30 serão servidos jantares preparados por um Chef português que vem especialmente da Escola de Hotelaria de Coimbra. E findo o jantar haverá lugar para os concertos de Fado.

No dia 9 de junho atua a fadista portuguesa Maria Ana Bobone, que cantará alguns fados ao piano e outros acompanhada de um trio de guitarras. No dia 30 de junho atuará o grupo Fado Violado, um projeto que mistura fado com sonoridades flamencas.

Mais informações:




 

Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua
 

 

Noites culturais portuguesas em Barcelona: 9 e 30 de junho



O Consulado de Portugal em Barcelona e o espaço Artte vão organizar duas noites culturais, em que se procura recriar uma casa de fados. 


No dia 9 de junho atua a fadista portuguesa Maria Ana Bobone, que cantará alguns fados ao piano e outros acompanhada de um trio de guitarras.

No dia 30 de junho atuará o grupo Fado Violado, um projeto que mistura fado com sonoridades flamencas.

Artte
Carrer de Muntaner, 83C
Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua
                                   

 

José Luís Peixoto e Fernando Pinto do Amaral na nova edição do evento “Barcelona Poesia”


A nova edição do evento “Barcelona Poesia” contará com a presença dos escritores portugueses José Luís Peixoto e Fernando Pinto do Amaral, que estarão na Biblioteca Guinardó - Mercè Rodoreda, no dia 10 de maio às 19:00 h, para uma sessão em que irão falar com o professor Jordi Cerdà sobre a sua relação com a poesia e o ofício de poeta.

Esta atividade faz parte do ciclo “Entre Versos”, um lugar de encontro dos leitores de poesia com autores, críticos, especialistas e artistas que fazem da poesia uma experiência única.



Para mais informação:

Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua
 

 

Comemoração do Dia de Portugal e de Camões em Barcelona


Celebração do Dia da Língua Portuguesa e da Cultura na CPLP em Barcelona: mostra de livros de escritores de expressão portuguesa e exposição na Biblioteca de Humanidades da Universidade Autónoma de Barcelona.


Para celebrar o Dia da Língua e da Cultura Portuguesa na CPLP, junto da comunidade educativa, o Centro de Língua Portuguesa do Instituto Camões em Barcelona em colaboração com a Biblioteca de Humanidades da Universidade Autónoma de Barcelona apresentam, durante as duas primeiras semanas de maio, uma mostra de obras de vários autores de expressão portuguesa, designadamente, José Saramago, Mia Couto, Fernando Pessoa, Honwana, José Craveirinha, Pepetela, Luandino Vieira, Mário de Andrade, Clarice Lispector, Amílcar Cabral, Germano Almeida, António Lobo Antunes, Alda Espírito Santo, Vinícius de Moraes, entre muitos outros.

A mostra de livros será acompanhada pela exibição da exposição “Língua Portuguesa: Um Oceano de Culturas”, que pretende prestar homenagem a todos os autores que, em português, têm contribuído com a sua obra para ampliar o nosso olhar, criando um lugar comum no projecto de interculturalidade lusófona.

Esta iniciativa constituirá também uma oportunidade para divulgar os cursos de Língua e de Literatura Portuguesa, que são atualmente oferecidos na Universidade Autónoma, assim como pelo Centro de Língua Portuguesa do Instituto Camões em Barcelona.



Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua


Certamen Literari Escolar en Llengües d’Origen


Há doze anos que a associação Amics de la Unesco de Barcelona organiza um certame dedicado às línguas maternas dos alunos dos Centros Educativos da Catalunha: o Certamen Literari Escolar en Llengües d’Origen.

Para participar, os alunos têm apenas de apresentar os seus textos escritos na sua língua materna e, se esta não for o catalão, também uma tradução do seu texto em catalão.

O objetivo do certame é ajudar a fomentar a diversidade cultural e linguística entre os alunos, e também promover a integração de pessoas recém-chegadas, numa sociedade cada vez mais plural e multicultural.

Os organizadores consideram que é necessário deixar que as novas gerações de catalães se expressem, não só em catalão, mas também nas suas línguas maternas. Desta forma, as pessoas recém-chegadas poderão aprender e fazer sua a língua catalã, sem renunciar à sua língua materna e dando a conhecer a riqueza de outras línguas e culturas. Procura-se, assim, promover, através da Literatura, a conviência pacífica e o entendimento entre todas as comunidades que moram na Catalunha.

Na décima segunda edição participaram mais de 600 alunos de 56 Centros Educativos, que enviaram textos escritos em 23 línguas diferentes, que foram depois avaliados por um grupo de voluntários.

Fotografia da cerimónia da décimo primeira edição (cedida)


Fotografia da cerimónia da décimo primeira edição (cedida)


O Centro de Língua Portuguesa/Instituto Camões de Barcelona colaborou também na correção dos textos, que os organizadores receberam em língua portuguesa.

A cerimónia de entrega dos prémios do XII certame irá celebrar-se no próximo 1 de junho no Espai Endesa de Barcelona.

Para mais informações:  

Esta iniciativa conta com o apoio do:
Camões - Instituto da Cooperação e da Língua
 


Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.